terça-feira, 7 de setembro de 2010

Prometi não chorar, mas acabei faltando com a minha palavra. Chamem-me de fraca, não me importo, não mais. Coloquei uma máscara perante os últimos acontecimentos e assumi uma postura de total equilíbrio emocional, uma hora a máscara cai, e aqui estou eu, com o coração destroçado e sem forças o bastante pra sequer disfarçar.
Me peguei pensando que eu realmente devo ser uma pessoa muito difícil de lidar, muito difícil de ser amada, aliás. Não que seja fácil admitir, só que é mais difícil ainda conviver com essas angústias todas engasgadas aqui. Que Deus me perdoe se for pecado o que vou dizer, mais tantas vezes desejei ter nascido na pele de outra pessoa, mais amável que eu, mais cativante que eu, e até mais bonita, porque não ?! Nem eu sei direito o que to dizendo, sei la, talvez as palavras não caibam no que eu quero dizer, talvez seja preciso algo mais, algo que eu desconheça, assim como desconheço essa mistura de sentimentos que me atormentam todos os dias, assim como desconheço esse rosto manchado de lágrimas que me observa com olhos tristes quando diante do espelho, no que foi que eu me tornei meu Deus ? Até quando vou levar essa dor gritante aqui dentro, até quando continuarei com esse medo covarde de abrir meu coração pra alguém, E será que algum dia vou conseguir sentir aquela sensação de coração limpo e leve pro amor de novo ? Eu espero que sim, como nunca esperei nada na vida.
Eu espero que um dia eu posso olhar nos olhos de alguém sem nenhum receio, e olhando fundo nesse olhar eu não consiga enchergar nada além de amor e que meu olhar também transmita a mesma coisa pra essa pessoa. Quem sabe um dia eu não consiga me deixar perder num abraço protetor e me sinta a pessoa mais querida do mundo. É só isso que eu queria, ser amada, só queria alguém que não quizesse mais ninguém além de mim.. mais talvez isso seja querer demais, talvez eu nem mereça.

2 comentários:

  1. LIndo demais!
    Bem sincero e intimista..
    Gostei!
    ;D

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir